Marinha abre concurso para 146 vagas de nível superior

A Marinha abre nesta quinta-feira (20) as inscrições de concursos públicos para um total de 146 vagas. As oportunidades são para o Corpo de Saúde da Marinha – Quadro de Apoio à Saúde (CP-CSM-S e CP-CSM-CD) e (CP-CSM-Md) em 2017.

As oportunidades são para médicos são 124 vagas no total. São 100 vagas de âmbito nacional, sendo 6 para anestesiologia, 1 para cancerologia, 7 para cardiologia, 1 para cirurgia cardíaca, 8 para cirurgia geral, 1 para cirurgia plástica, 1 para cirurgia vascular, 6 para clínica médica, 2 para dermatologia,1 para endocrinologia/metabologia, 2 para gastroenterologia, 7 para ginecologia e obstetrícia, 1 para infectologia, 6 para medicina intensiva, 1 para nefrologia, 3 para neurologia, 4 para oftalmologia, 7 para ortopedia e traumatologia, 4 para otorrinolaringologia, 1 para patologia, 7 para pediatria, 2 para pneumologia, 1 para proctologia, 9 para psiquiatria, 8 para radiologia, 1 para reumatologia e 2 para urologia.

São 2 vagas para o Comando do 2º Distrito Naval, com sede em Salvador, sendo 1 para ginecologia e obstetrícia e 1 para ortopedia e traumatologia.

São 4 vagas para o Comando do 3º Distrito Naval, com sede em Natal, sendo 1 para anestesiologia, 1 para oftalmologia, 1 para psiquiatria e 1 para radiologia.

São 3 vagas para o Comando do 4º Distrito Naval, com sede em Belém, sendo 1 para cardiologia, 1 para psiquiatria e 1 para radiologia.
São 3 vagas para o Comando do 5º Distrito Naval, com sede em Rio Grande (RS), sendo 1 para pediatria, 1 para psiquiatria e 1 para urologia.

São 5 vagas para o Comando do 7º Distrito Naval, com sede em Brasília, sendo 2 para ginecologia e obstetrícia, 1 para oftalmologia, 1 para terapia intensiva e 1 para urologia.

São 9 vagas para o Comando do 9º Distrito Naval, com sede em Manaus, sendo 1 em cardiologia, 1 em cirurgia geral e 1 em psiquiatria.

Para cirurgião-dentista são 12 vagas, de âmbito nacional, nas especialidades de dentística (3), endodontia (1), odontopediatria (1), periodontia (3) e prótese dentária (4).

Para o quadro de apoio à saúde são 11 vagas, de âmbito nacional, nas especialidades de enfermagem (4), farmácia (4), fisioterapia (1), fonoaudiologia (1) e nutrição (1).

Os candidatos devem ter menos de 36 anos de idade no primeiro dia do mês de janeiro de 2018 e ter nível superior na área de atuação.

O curso de formação de oficiais (CFO) será no Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), no Rio de Janeiro. O curso terá duração de, aproximadamente, 39 semanas. Após a aprovação no CFO, no final de 2018, os militares serão nomeados Oficiais da Marinha do Brasil no posto de Primeiro-Tenente e passarão a receber remuneração de cerca de R$ 10,5 mil.

As inscrições podem ser feitas até o dia 15 de maio pelo site  ou nas organizações militares listadas no edital. A taxa é de R$ 110.

A seleção será feita por meio de prova escrita objetiva e redação, inspeção de saúde, teste de aptidão física, verificação de dados biográficos e prova de títulos.

As provas serão aplicadas nas cidades do Rio de Janeiro, Vila Velha (ES), Salvador, Natal, Olinda, Fortaleza, Belém, São Luís, Rio Grande (RS), Porto Alegre, Florianópolis, Ladário (MS), Brasília, São Paulo, Manaus e Cuiabá. O curso está previsto para começar 5 de  março de 2018.

Descrição do autor

Edivaldo Junior

Edivaldo Junior

Edivaldo Junior é jornalista, colunista da Gazeta de Alagoas e editor do caderno Gazeta Rural

Ainda não há comentários.

Participe da conversa