Rateio Fundeb do estado só deve ser pago no início de janeiro, avisa Educação

O governo já sabe quanto será o rateio das sobras do Fundeb este ano para os professores da rede estadual de ensino.

Pelos cálculos do vice-governador e secretário da Educação, Luciano Barbosa, o valor para cada professor será equivalente a uma folha salarial e meia. Considerando os valores do ano passado, é algo em torno de R$ 36 milhões.

O projeto de lei que autoriza o Executivo a pagar o Fundeb já foi aprovado em primeira votação na Assembleia Legislativa. A segunda votação, se houver quórum, será realizada nesta segunda-feira.

Mesmo que o projeto seja aprovado e sancionado até a terça-feira, o pagamento do rateio, no entanto, adianta Luciano Barbosa, deve ficar para o início do próximo ano.

Isso porque o estado ainda vai receber, no próximo dia 30, uma parcela do fundo. Somente com o depósito da última parcela é que a Secretaria de Educação poderá, explica o secretário, fazer os cálculos das sobras do Fundeb que serão rateadas entre os professores (concursados e monitores) no efetivo exercício do magistério.


EJ

Descrição do autor

Redação

Ainda não há comentários.

Participe da conversa