Sindaçucar-AL divulga dados consolidados da safra 19/20

http://edivaldojunior.com.br/wp-content/uploads/2020/05/canacortada.jpgSindaçucar-AL divulga dados consolidados da safra 19/20

Com nove meses de duração, a safra 19.20 foi finalizada em Alagoas, no começo deste mês de maio, com 16.97.205 milhões toneladas de cana processadas. De acordo com os dados consolidados repassados pelo departamento Técnico do Sindaçúcar-AL, o crescimento em comparação a moagem passada, que foi de 16.493.908, chagou a 2,90%.

Dados do boletim quinzenal nº 17, com números da produção até o dia 15 de maio passado, apontam que a maioria das 15 usinas teve crescimento na quantidade de cana moída. A variação oscilou de 3,52% até 67,60%, apesar das dificuldades com escassez de chuvas nos meses finais a moagem e do surgimento da pandemia do coronavítus (covid – 19) na reta final do ciclo.

Quanto a produção de açúcar (cristal e VHP), de acordo com o levantamento, foram produzidas 1.331.281 toneladas de açúcar. No ciclo anterior, a produção foi de 1.200.955. Com isso, neste cenário, o crescimento chegou a 10,85%.

Na comparação entre os dois ciclos, apenas duas usinas produziram açúcar em uma quantidade menor. Todas as demais unidades tiveram varrições positivas de, no mínimo, 0,26%, chegando até 75,76%.

No que diz respeito a produção de etanol, segundo informou o boletim, foram produzidos 505.412 metros cúbicos (m3) do biocombustível (anidro e hidratado) ou mais de 505 milhões de litros. Como na safra 18/19 a produção final foi de 499.510 m3, houve um crescimento de 1,18% entre as duas moagens.

Apenas 12 unidades industriais produziram o biocombustível nesta safra. Deste total, sete tiveram uma produção inferior em comparação a moagem passada variando de – 0,33% até – 19,63%. Já as outras cinco apresentaram saldos positivos cuja variação foi de 1,29% até 79,59%.

Fonte: Assessoria

Author Description

Maria Taina

Sem Comentários ainda.

Participe do debate