Usinas devem moer 16,4 mi de toneladas de cana

http://edivaldojunior.com.br/wp-content/uploads/2018/09/37387_ext_arquivo.jpgUsinas devem moer 16,4 mi de toneladas de cana

Com 30 dias do início da safra 18/19 e sete usinas em plena moagem, o Sindaçúcar-AL divulgou a planilha parcial com a expectativa de produção para o novo ciclo da cana no Estado. De acordo com o levantamento, realizado junto as unidades industriais, o ciclo contará com 15 usinas em atividade que deverão beneficiar 16,4 milhões de toneladas de cana.

Segundo a planilha, em comparação a moagem passada, quando foram processadas 13,7 milhões de toneladas, é esperado um crescimento de 19,1% na quantidade de cana esmagada. Com isso, as expectativas de crescimento das usinas para o ciclo atual variam de 1% até 109%.

Na safra 18/19, segundo previsão repassada pelas usinas, deverão ser produzidos, além de um milhão de toneladas de açúcar, 453 milhões de litros de etanol, sendo 254.233 de anidro e 198.838 do hidratado.

A safra já foi iniciada pelas usinas Santo Antônio; Camaragibe, Coruripe, Pindorama e Leão, além de Serra Grande e Taquara. Deverão entrar no ciclo, ainda no mês de setembro, as usinas Caeté, Copervales, Marituba, Porto Rico, Seresta, Santa Maria e Sumauma. Apenas a Santa Clotilde informou que deve iniciar a moagem em outubro.

O departamento Técnico do Sindaçúcar-AL informou ainda que as usinas Sumauma e Marituba não informaram oficialmente suas previsões de safra, tendo sido repetido, na planilha de expectativa de produção, a moagem do ciclo 17/18.

Jornal de Alagoas

Author Description

Ana Luiza

Sem Comentários ainda.

Participe do debate