Usina Pindorama entra na reta final da safra 17/18

http://edivaldojunior.com.br/wp-content/uploads/2018/02/moagem.jpgUsina Pindorama entra na reta final da safra 17/18

A direção da Cooperativa Pindorama está otimista quanto a um desfecho positivo da safra da cana-de-açúcar 2017/2018. A Usina, que foi a primeira a iniciar a moagem em setembro passado, já beneficiou 675 mil toneladas e contabiliza 91% na contagem nas horas de eficiência produtiva.

Na margem produtiva, segundo o boletim parcial de safra, a Pindorama já estoca a produção de 770 mil sacos de açúcar e encerra janeiro com exatos 30 milhões de litros de álcool dos tipos anidro e hidratado.

A expectativa é que ainda sejam processadas cerca de 80 mil toneladas de cana até o próximo dia 15 de fevereiro. O presidente da Pindorama, Klécio Santos, fez uma análise positiva da temporada e aposta num crescimento em relação a safra passada, principalmente no fator beneficiamento de cana de associados de Pindorama.

“É uma safra, de fato, maior do que a do ano passado e isso mostra que a cooperativa estimulando seu cooperado a não deixar de plantar. Chegamos nessa reta final com possibilidade real de crescimento já batendo nossa marca passada, principalmente em cana interna, algo em torno de 20%”, ressaltou Klécio.

A gerência da Usina monitora o andamento da safra diariamente e trabalha com o fechamento da safra em 750 mil toneladas contra 680 mil da temporada anterior. “A todo momento a Pindorama vem monitorando os movimentos do mercado, vendo os melhores momentos de potencializar a produção do álcool e açúcar. Estamos completando uma safra tranquila, sem acidentes e grandes imprevistos. Apesar da crise, fizemos o dever de casa e aguardamos um desfecho positivo”, completou o gerente industrial da Usina, Eriksson Viana.

Assessoria

Author Description

Vanessa Ataíde

Sem Comentários ainda.

Participe do debate