CPLA avalia como produtivo ano de 2017

http://edivaldojunior.com.br/wp-content/uploads/2017/12/cpla.jpgCPLA avalia como produtivo ano de 2017

O ano 2017 foi marcado pela recuperação da economia, mesmo com poucos sinais de crescimento longínquo em diversos setores produtivos e também no agronegócio. Para a Cooperativa de Produção Leiteira de Alagoas (CPLA), apesar de ter dispensado custos “cortando na própria carne”, o ano foi considerado pela diretoria como produtivo.

O conjunto de ações direcionadas ao avanço da produção de leite entre os cooperados, segundo o presidente da CPLA, Aldemar Monteiro, foi responsável pelo índice de satisfação. “Estabelecemos a política pé no chão, buscando não desfalcar o serviço de assistência e acompanhamento aos produtores, porém com muito cuidado. A expectativa é de que crescemos nesse sentido, enxergando que é possível fazer mais com menos. Um ano considerado produtivo”,

No campo técnico, a CPLA avançou em incentivo à produção leiteira com qualidade físico-química com rotina de análises mensais, além de atividades de assistência especializadas, registro de animais e constituição de novos grupos de produtores organizados em associações.

“Na teoria e na prática, a CPLA conseguiu incluir o agricultor familiar e o manteve estimulado em batalhar pelo seu emprego e renda, apesar da seca que fez o gado morrer e perder produção no início do ano”, disse Monteiro.

Na temporada, os técnicos as cooperativa, avalizando o beneficiamento dos produtores junto ao aparato público, garantiu entrega de sementes, doação de alevinos, sêmen e bagaço de cana. Também houve esforço para incluir mais produtores no programa de melhoramento genético e estabelecer a cultura de compra de insumos de forma coletiva.

Na temporada, também foram implementadas ações de sustentabilidade com alerta para recuperação de nascente, perfuração de poço. Os trabalhos dos agricultores familiares com o gado leiteiro também foram vistos, pela primeira vez, na edição da ExpoBatalha, com a presença de quase 100 produtores da CPLA e seus animais.

“Também apostamos na ideia dos torneios leiteiros como instrumento de força e avanço do trabalho de qualidade na agricultura, sendo sucesso em todas as comunidades”, lembrou. Monteiro também expressa seus agradecimentos aos parceiros da CPLA em 2017. “Aproveito para agradecer todo suporte e parceria com secretárias, municípios e governo por não desamparar o pequeno produtor. Essa luta é compartilhada”, resumiu Monteiro.

Assessoria

Author Description

Vanessa Ataíde

Sem Comentários ainda.

Participe do debate