Equipe CPLA recebe capacitação durante Fomenta Nacional

http://edivaldojunior.com.br/wp-content/uploads/2017/12/cpla_fomenta_02.jpgEquipe CPLA recebe capacitação durante Fomenta Nacional

Formada por dirigentes, colaboradores e agricultores familiares, a equipe da Cooperativa de Produção Leiteira de Alagoas (CPLA) recebeu capacitação sobre compras institucionais da agricultura familiar durante a 8º edição do “Fomenta Nacional: Oportunidades para as micro e pequenas empresas nas compras governamentais”, realizado pelo SEBRAE. O evento aconteceu em Brasília/DF, durante os dias 28 e 29 de novembro.

Entre os principais objetos de discussão esteve a modalidade de compra operada pelo Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), que oferta a oportunidade dos agricultores comercializar de seus produtos à órgãos públicos.

O Fomenta Nacional também propôs maior aproximação entre cooperativas e entidades que organizam a produção do segmento agrícola familiar, de acordo com o presidente da CPLA, Aldemar Monteiro.

“É um campo bastante interessante o qual vem garantindo mercado e escoamento de boa parte da produção dos nossos produtores. Esse evento, com certeza, amplia nosso plano de ação e promove a valorização da agricultura”, avalia o presidente da CPLA.

O grupo da CPLA buscou conhecimento sobre legislação e regulamento geral da política de vendas à instituições públicas por meio das palestras, oficinas, painéis e seminários temáticos e internacionais promovidos pelo Fomenta.

A produtora de leite do município de Jacaré do Homens, Nelma Alves, multiplicará a formação em Vendas Públicas aos colegas de produção leiteira. “Fico feliz em ver as instituições se esforçando para colaborar com o fortalecimento da agricultura familiar. Agora, com o produtor mais preparado e seguro, poderemos ocupar nosso espaço nessa modalidade”, alega. “Todo conteúdo das palestras e do evento farei questão de repassar aos agricultores da minha região”, completou Nelma Alves.

Para o gerente de Comercial da CPLA, Pedro Fernandes, o evento também foi produtivo para estreitar os laços entre Instituições, agricultura e empreendedores. “Muitos grupos de produtores esbarram, na maioria das vezes, na burocracia imposta nos modelos de compras antigo. Isso parece já ter sido superado e a cada dia mais o produtor toma ciência do seu direito enquanto agricultor familiar”, diz Pedro fazendo referência a Lei nº 11.947 que determina que no mínimo 30% das compras efetuados por instituições públicas sejam adquiridas da agricultura familiar.


Assessoria

Author Description

Victor Spinelli

Sem Comentários ainda.

Participe do debate