13º Concurso Lácteo julga 110 derivados de AL

13º Concurso Lácteo julga 110 derivados de AL

Qualidade. Essa foi a palavra de ordem durante aprimeira noite de atividades do 13º Concurso Lácteo de Alagoas, na última terça-feira,24. O evento julgou, sob critérios de excelência, o total de 110 produtos, de 24 laticínios participantes em 21 categorias.

O grupo de jurados receberam a missão de avaliar dois itens de duas categorias diferentes e atribuir notas de 0 a 5 à ficha de cada produto lácteo. Foram observados aspectos externo e interno; sabor e odor, além de consistência e textura.

No total, 52 avaliadores cumpriram a missão de eleger o melhor de cada categoria. A secretária executiva Fabiana Morais, integrante do corpo de jurados, salientou seu papel: “nossa avaliação é puramente técnica ao mesmo tempo em que estamos representando o consumidor comum das marcas. Criticamente, irei considerar todos os critérios para que, de forma justa, o melhor vença”, comentou a jurada.

O diretor Regional do Senai/AL, Marben Loureiro, abriu os trabalhos da noite e destacou a missão do evento, que é a maior vitrine do setor. “O Concurso exerce seu compromisso em fomentar qualidade e tornar o mercado mais competitivo. É uma chance impar para as indústrias examinar sua credibilidade e testar seu potencial”, chamou atenção Loureiro.

A noite de julgamentos também foi prestigiada pelo presidente da Federação das Indústrias de Alagoas (Fiea),José Carlos Lyra. Já a Associação dos Criadores de Alagoas (ACA), organizadora da Expoagro/AL,por meio do presidente Domicio Silva, também se fez presente no evento.

“O Concurso traz progresso e se tornou referência em qualidade para nossas marcas. Para Exposição, é um honra abrigar um evento com proposta de agregar e valorizar a produção interna”, definiu Silva.

__

Assessoria

Author Description

Kadia Ingrid

Sem Comentários ainda.

Participe do debate