Moro condena lobistas ligados ao PMDB na Lava Jato

Moro condena lobistas ligados ao PMDB na Lava Jato

lobista Jorge Luz e o filho Bruno Luz que, segundo as investigações da Lava Jato, são ligados ao PMDB, foram condenados pelo juiz Sérgio Moro, responsável pela força-tarefa em primeira instância.

O primeiro a 13 anos e oito meses de prisão, pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, e o segundo a seis anos e oito meses de detenção, por lavagem de dinheiro, conforme sentença publicada nesta sexta-feira (20), pela Justiça Federal.

Segundo as apurações, ambos atuavam em prol do partido, nos esquemas de propina envolvendo contratos do Grupo Schahin com a Petrobras para o navio-sonda Vitória 10.000.

Conforme o portal G1, a denúncia foi aceita pelo juiz em abril deste ano e tem como base as investigações que geraram a 38ª fase da operação, batizada de Blackout. Jorge Luz e Bruno Luz foram presos nos Estados Unidos.

Notícias ao Minuto

Author Description

Vanessa Ataíde

Sem Comentários ainda.

Participe do debate