“Vaza” composição da chapa para deputado federal do grupo de Renan Filho

Com o “enterro” do distritão, a movimentação para a formação de coligações proporcionais ganhou novo ritmo nos bastidores. Lideranças políticas se apressam para definir nomes e alianças.

Adeilson Bezerra, do PRTB, já convocou uma reunião, para a próxima sexta-feira, 6, em que vai anunciar a formação de uma chapa com a expectativa de eleger ao menos um federal – tentando repetir a “façanha” das eleições de 2014.

O deputado federal JHC (PSB) tenta construir uma terceira opção, com partidos que estão fora dos grupos de Renan Filho (PMDB) e Rui Palmeira (PMDB), mas não será fácil. Isso porque podem “faltar” candidatos e partidos.

Também não será fácil para o PSDB repetir a formação de uma coligação com o PRB, a exemplo de 2014, que conseguiu eleger o deputado federal Pedro Vilela.

O grupo que dá sustentação a Rui Palmeira vem perdendo força – ao menos para formação de chapa proporcional – com a migração de partidos para o grupo de Renan Filho. As baixas incluem o PDT, o Solidariedade e o PPS.

Enquanto isso, o grupo do governador já trabalha com a formação de um chapa capaz de eleger, pelas contas de analistas políticos, de 4 a 5 deputados federais.

A provável composição da chapa “vazou” num grupo de Wattsapp. Um dos pré-candidatos citados na lista confidenciou, ao blog, que a chapa já está praticamente montada: “falta agora definir apenas mais quatro nomes, sendo que destes pelo menos três devem ser de mulheres. Acreditamos que dá para eleger 5, chegando a eleger no mínimo 4”, aponta.

Veja a lista:

Ronaldo Lessa PDT
Sérgio Toledo PSC
Carimbão PHS
Paulão PT
Nivaldo Albuquerque PTB
Severino Pessoa PSC
Regis Cavalcante PPS
Ricardinho Santa Ritta PMDB
Álvaro Vasconcelos PTC
Robinho das Grotas PT
Marcelo Victor PSD
Rosinha Adefal Avante
Claudia Petuba PCdoB
Sandra Menezes PV
Ziane Costa PMDB

Edivaldo Júnior

Descrição do autor

Vanessa Ataíde

Ainda não há comentários.

Participe da conversa