Nelore Positivo oferta animais melhoradores e com adaptabilidade total

Um leilão democrático, com oferta variada de bezerros, bezerras, touros e novilhas. O número de animais comercializados chega a quase 600. A fórmula de sucesso é do criador Celso Pontes de Miranda Filho, que realiza a 13ª edição do Leilão Nelore Positivo, no dia 24 de outubro, a partir das 19h, no Parque da Pecuária, em Maceió/AL.

A proposta do remate é oferecer animais melhoradores, com adaptabilidade total às propriedades e gerando ganhos para os clientes. O gado sai do tatersal pronto para ser solto na vacada. “O foco é deixar o cliente sem preocupação. Nossa seleção procura fazer animais melhoradores para que quem adquira o produto não sinta diferença de produtividade quando soltar o animal na propriedade”, explica Celso.

O CPMF garante: o Nelore Positivo é o ponto de encontro certo para todos que fazem parte da pecuária de corte no estado. Entre os lotes estarão 500 bezerros e bezerras, 30 touros PO, 50 novilhas cara limpa, além de novilhas PO.

“A gente tenta fazer o evento para unir todos os segmentos da pecuária. E aqueles que desejam iniciar sua criação terão a oportunidade de adquirir as novilhas, que já vão com todos os exames de sanidade, e os touros melhoradores. O leilão dá oportunidade de o criador entrar na pecuária pela porta da frente. Não só com os animais CPMF, mas dos nossos convidados também”, atenta o promotor.

Será no Parque da Pecuária que o rebanho CPMF irá comemorar os 20 anos de seleção genética da raça nelore. A noite promete ser um momento especial. “Além do concurso Bezerrada Positiva, teremos uma palestra sobre melhoramento momentos antes do leilão e também iremos oferecer lotes de tourinhos jovens de 22 meses, vindos direto da nossa seleção. Queremos fazer uma confraternização e uma discussão saudável da pecuária”, afirma Celso Pontes de Miranda Filho.

Serviço

13º Leilão Nelore Positivo

Data: 24/10/2017

Horário 19h

Local: Parque da Pecuária, em Maceió/AL

__

Assessoria

Descrição do autor

Victor Spinelli

Ainda não há comentários.

Participe da conversa