Perfuração de poços artesianos beneficia agricultores da zona rural de Arapiraca

Com a finalidade de levar água potável e de qualidade aos produtores rurais de Arapiraca, a atual gestão não tem medido esforços no sentido de intensificar a perfuração de poços artesianos na zona rural, ação que tem contribuído significativamente no aumento da produção e, consequentemente, na geração de emprego e renda.

O pecuarista Josué Damasceno Araújo é prova disso. Dono de uma propriedade localizada no Sítio Flexeiras, zona rural de Arapiraca, Josué afirma que perdeu as contas da quantidade de vezes que foi obrigado a recavar sua cacimba, principalmente nos períodos de estiagem.

Atualmente, técnicos da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente estão trabalhando a todo o vapor em sua propriedade, finalizando a perfuração de um poço artesiano. “Com a chegada do poço artesiano poderei garantir uma melhor manutenção da minha propriedade e assim aumentar a produção e gerar novos empregos”, frisou.

De acordo com o geólogo José Roberto Lima, da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, o município disponibiliza uma perfuradora rotopneumática, que tem capacidade de concluir os trabalhos em até dois dias, além da mão de obra.

Em contrapartida, o proprietário da terra arca com a tubulação para revestir o poço, bomba, fiação e o óleo diesel para o funcionamento da perfuradora. Com a parceria da Prefeitura, cada agricultor atinge uma economia de, pelo menos, 50% do valor do poço, que geralmente tem um custo médio de R$ 12 mil.

Desde que foram iniciadas as perfurações, já foram contemplados produtores das comunidades Bonome e Cangandu. O método de irrigação é um dos mais beneficiados com a perfuração dos poços.

Prefeitura de Arapiraca

Descrição do autor

Victor Spinelli

Ainda não há comentários.

Participe da conversa