Números finais: safra 16/17 teve quebra de safra de – 1,91%

O ciclo da cana em Alagoas foi encerrado pelo setor sucroenergético na primeira quinzena de abril, amargando mais uma quebra de safra. Esta semana, o Sindaçúcar-AL divulgou o boletim quinzenal de nº16 e com posição acumulada até o dia 30 de abril, com os números finais da moagem.

De acordo com o levantamento, foram processadas 16.068.536 toneladas de cana, enquanto no ciclo passado a posição foi de 16.380.587. Em comparação a moagem anterior, houve uma redução de 1,91%.

Já a produção final de açúcar na safra 16/17 foi de 1.449.763. Ante a moagem anterior, quando foram processadas 1.214.757 toneladas, ocorreu um crescimento de 19,35%.

O etanol também registrou uma variação positiva de crescimento, chegando a 1, 04%. O ciclo contou com uma posição acumulada de 380.200 milhões de litros, enquanto na safra 15/16 a posição final foi de 376.289 milhões de litros do biocombustível.

Os números finais do ciclo 16/17 representam a produção das 17 unidades industriais que participaram da moagem, entre usinas e destilaria.


Assessoria

Descrição do autor

Redação

Ainda não há comentários.

Participe da conversa