AL receberá voos extras do Sul, Sudeste e Centro-Oeste nas férias de julho

Para manter o turismo aquecido no recesso do meio do ano, Alagoas ampliou a sua malha aérea com voos extras vindos de três regiões do país para o período. Articulados em parceria com a Gol Linhas Aéreas, os voos vêm das cidades de São Paulo (SP), Belo Horizonte (MG), Foz do Iguaçu (PR), Cuiabá (MT) e Goiânia (GO) e estarão em atividade entre os dias 1 e 30 de julho.

A malha aérea alagoana pôde ser ampliada graças às assinaturas das concessões do regime especial do ICMS sobre o QAV, o Querosene da Aviação, para as empresas aéreas. As concessões reduziram de 17% para 12% o valor da tributação sobre o combustível das aeronaves que reabastecerem em Alagoas, fato que posicionou o Estado como um dos destinos mais competitivos para atração de voos. O combustível representa 35% do custo arcado pelas companhias para operação de uma aeronave.

“Esses voos extras são fundamentais para que o turismo permaneça aquecido também na baixa temporada. Em 2016, Alagoas cresceu 0,44% no número de desembarques, sendo um dos únicos Estados nordestinos a apresentar indicadores positivos. A nossa prioridade é incrementar ao máximo a malha aérea local, através de parcerias com operadoras e companhias”, afirmou o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Helder Lima.

Capacitações

Reforçando a política de promoção do destino no mercado interno, a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) está promovendo capacitações a agentes de viagem de estados que são importantes mercados emissores.

No início do mês, Alagoas participou da 1ª edição do Workshop Brasil MMT no Rio de Janeiro (RJ), onde apresentou o Estado a agentes de todo o Brasil; na última semana, foram realizadas capacitações nas cidades de Londrina (PR) e Maringá (PR). Nesta semana, profissionais de Vitória (ES) e Belo Horizonte (MG) conhecerão mais sobre os atrativos alagoanos. No final de maio, será a vez dos municípios de Uberlândia (MG) e Campinas (SP). Ao todo, 700 agentes de viagens serão capacitados.


Agência Alagoas

Descrição do autor

Redação

Ainda não há comentários.

Participe da conversa