Feriado prolongado terá 73% dos leitos ocupados em Alagoas

Mais um feriado prolongado aquece o turismo em Alagoas. Para o feriado do Dia do Trabalhador (1º de maio), a expectativa é de que 73% dos leitos dos meios de hospedagem de Alagoas estejam ocupados no período, de acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-AL).

Ainda segundo a entidade, durante a Semana Santa e o feriado de Tiradentes, Alagoas apresentou uma taxa de ocupação hoteleira de 83% e 84% respectivamente, mantendo a média elevada de 2016.

“De 2016 da cá, tivemos a instalação 910 novos leitos e conseguimos manter uma ocupação hoteleira elevada nessas datas, o que significa que tivemos, em valores absolutos, mais turistas visitando o Estado. No ano passado, nós conseguimos manter uma média de 70% de ocupação hoteleira durante toda a temporada e os feriados colaboram para esse número. A expectativa é que Alagoas continue crescendo ainda mais apostando na política de promoção para importantes mercados emissores e em campanhas digitais”, disse o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Helder Lima.

O presidente da ABIH-AL, Mauro Vasconcelos, ressalta que a manutenção dos bons resultados é um reflexo da parceria entre o setor público e o trade turístico.

“Atuando em parceria, podemos divulgar e promover Alagoas em feiras e eventos de grandes mercados emissores regionais e nacionais. Não só Maceió, como também outros destinos do Estado, Maragogi, Barra de São Miguel, Francês, São Miguel dos Milagres e Piranhas, por exemplo, que têm se fortalecido com o crescimento da hotelaria”, afirmou Vasconcelos.

O Ministério do Turismo (Mtur) estima que os feriados devam injetar mais de R$ 21 bilhões na economia nacional em 2017.


Agência Alagoas

Descrição do autor

Redação

Ainda não há comentários.

Participe da conversa