Com apoio do Governo em incentivos fiscais, empresa Duratex vai investir 1,1 bilhão em AL

O Conselho Estadual do Desenvolvimento Econômico e Social (Conedes) aprovou na noite de quinta-feira (27) a concessão de incentivos fiscais previstos no Programa de Desenvolvimento Integrado (Prodesin) para instalação de mais uma indústria em Alagoas. Dessa vez, foi garantida a vinda da gigante Duratex, com um investimento de R$ 1,1 bilhão e geração de 460 empregos diretos.

A Duratex, que se uniu em Alagoas à Usina Caeté em 2014, já tem 6 mil hectares de eucalipto plantados no Estado e deverá instalar sua unidade fabril para produção de painéis em MDF e MDP em 2019. Em seu pleno funcionamento, a unidade terá capacidade de produção de até 400 mil m³.

Para o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), Helder Lima, a aprovação do investimento deverá formar um novo cenário no setor produtivo.

“A chegada concreta da Duratex vai estabelecer um antes e depois no vetor econômico de Alagoas. Com a implantação de uma indústria de beneficiamento de eucalipto, produzindo placas de MDF e MDP, abrimos portas para a consolidação da cadeia produtiva de móveis, um mercado importante que promove grande geração de emprego e renda, além de diversificar a economia do estado”, afirmou Helder Lima.

Além da concessão do benefício para a Duratex, foi aprovada durante o Conedes a migração da empresa Ultraplast Indústria e Comércio para a nova sistemática do Prodesin. Com a modernização, a nova sistemática do programa oferece vantagens às empresas instaladas em Alagoas, como a redução de 92% no pagamento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) na saída dos produtos industrializados.


Agência Alagoas

Descrição do autor

Redação

Ainda não há comentários.

Participe da conversa