“Família Pereira nunca barganhou vaga de vice”, reage Joãozinho

A filiação de Joãozinho Pereira e Fernando Pereira ao PMDB, no dia 24 de março, alimentou ainda mais os boatos e especulações em torno do futuro da político da família Pereira. Há quem diga que eles estariam barganhando a indicação para o candidato a vice-governador na chapa de Renan Filho em 2018.

O prefeito Joãozinho Pereira, que anda chateado com tanto disse me disse, tem repetido sempre que foi para o PMDB numa operação matemática: “Chegamos ao grupo do Governador pra somar forças, não pra ocupar cadeiras de A ou B. Somos unidos pela defesa dos municípios que administramos”, resume.

Salvo fato novo, os Pereira participam das eleições em 2018 apoiando a reeleição de Arthur Lira (PP) para deputado federal e trabalhando pela reeleição da deputada estadual Jó Pereira (PMDB). O resto, avisa, é cortina de fumaça. 

“Essa conversa de que estamos pleiteando isso ou aquilo já está ficando chata”, desabafa Joãozinho.

Querem tirar o Luciano?

Quem anda espalhando boatos em torno de uma composição para 2018 na chapa majoritária do PMDB, esquece de falar que nem o governador, nem o partido tem a menor intenção de mudar a chapa de 2014. Luciano Barbosa é, até onde se sabe candidatíssimo à reeleição.

Não é só. Mesmo que os Pereira quisessem brigar pela vaga de vice, teriam que combinar o jogo com outra família influente na política alagoano. Nos bastidores, correm boatos que os Beltrão também tem pleno interesse na vaga que hoje é de Luciano Barbosa… Será?

Descrição do autor

Edivaldo Junior

Edivaldo Junior

Edivaldo Junior é jornalista, colunista da Gazeta de Alagoas e editor do caderno Gazeta Rural

Ainda não há comentários.

Participe da conversa