Apesar de muita chuva, emoção marca a passagem da tocha por Alagoas

Símbolo olímpico ainda passará por Murici e União dos Palmares antes de seguir para Pernambuco nesta segunda-feira (30)

A emoção foi a marca da passagem da tocha olímpica por Alagoas no domingo (29). Nem as chuvas que caíram no Estado conseguiram desanimar os condutores, protagonistas de um momento histórico para os alagoanos. A festa do esporte contou com a participação de estudantes e professores da rede estadual como anfitriões e condutores do símbolo olímpico.

A primeira parada da tocha foi no município de São Sebastião, onde a cerimônia contou com a participação da estudante Maiane Alves Barbosa, aluna concluinte do ensino médio Escola Estadual Felix de Carvalho. Em seguida, Arapiraca fez uma grande festa para a tocha olímpica, que teve como anfitriões os estudantes Bruna Kethlen Alves Olivense e Roberto Silva Oliveira Júnior, ambos da Escola Estadual Adriano Jorge. Ainda em Arapiraca, o professor de Educação Física das redes estadual e municipal Zezinho Nascimento foi um dos condutores da tocha.

Ao chegar em São Miguel dos Campos, no final da tarde, o símbolo olímpico foi recepcionado pela estudante Renata Alves Barbosa, aluna da Escola Estadual Tarcísio Soares Palmeira. Um dos momentos mais marcantes da passagem da tocha pelo município foi a participação da professora de Educação Física Eladia Costa Braga como uma das condutoras. Uma grande entusiasta da prática esportiva, Eladia atua nas redes estadual e municipal e é exemplo de superação, tendo vencido um câncer de mama.


Maceió

A tocha olímpica chegou a Maceió debaixo de chuva no início da noite de domingo. Anfitriões da festa, os estudantes Daniela Esteffany da Silva e Willams Francisco Viegas, da Escola Estadual Dom Adelmo Machado, acompanharam a primeira condutora da noite, a hexacampeã de jiu-jitsu Bianca Barreto. “A sensação de ter a tocha em suas mãos é incrível, inexplicável. Ter representado meu Estado e minha escola foi histórico”, contou Daniela.

A rede estadual teve três representantes como condutores da tocha olímpica na capital: o estudante Odilon Matheus Gomes dos Santos, da Escola Estadual Eunice de Lemos Campos, e os professores Nadjelson Nogueira, da Escola Estadual Aurelina Palmeira, e Ricardo Sérgio Santos, da Escola Estadual Theonilo Gama.

Condutores da tocha no percurso da orla marítima, Odilon e Nadjelson repassaram o símbolo olímpico um para o outro no revezamento. Para ambos, tratou-se um momento único em suas vidas. “Fui atleta e preparei muitos atletas para competições esportivas durante a minha trajetória profissional. Estar aqui foi gratificante”, comentou Nadjelson. “Para mim, foi um orgulho representar os estudantes da escola pública estadual. Foi um momento muito especial, nunca imaginei que um dia seria selecionado para carregar a tocha olímpica”, afirmou Odilon.

O professor Ricardo Sérgio, criador e coordenador do projeto de judô da Escola Theonilo Gama, percorreu trecho na Gruta de Lourdes. “Foi muito marcante conduzir a chama olímpica, que, acima de tudo, representa valores como respeito, união, fair play e reflexão de atitudes não só no mundo dos esportes”, declarou Ricardo Sérgio. Este ano, o projeto de judô da unidade de ensino completa dez anos, tendo revelado dezenas de talentos do esporte e transformado a vida de muitos jovens no Benedito Bentes.

Torcida

Os familiares e amigos dos condutores marcaram presença na torcida da tocha olímpica em Maceió. Com muita alegria e descontração, vibraram a cada passo dos portadores da chama olímpica.

Vanessa Lima de Souza Santos estava na torcida pelo esposo Ricardo Sérgio. Ela revela ter vivenciado um caldeirão de emoções. “Tive muita alegria e orgulho de ver o Ricardo como condutor da tocha, símbolo das Olimpíadas. Este é um momento de grande festa, onde, por meio do esporte, fortalecemos laços e envolvemos todos no clima dos Jogos”, ressaltou.

O estudante Odilon Matheus também teve sua própria torcida, composta por familiares, professores amigos da escola e da sua igreja. Um dos integrantes era a sua mãe Irlene Gomes da Silva. “Como mãe, fico muito feliz em ver meu filho se destacando e representando também o nosso bairro, o Benedito Bentes”, falou.

Próximas paradas

Nesta segunda-feira, 30, a tocha olímpica continua sua passagem por Alagoas, percorrendo os municípios de Murici e União dos Palmares. No primeiro, será recebida por alunos da Escola Estadual Professor Loureiro e do Instituto Federal de Alagoas (IFAL). Já na terra de Zumbi dos Palmares, os estudantes Chayanne Lima Bernardo da Silva e Márcio Lucas da Silva, da Escola Dr. Jorge de Lima e Rânele Mara Marques Ferreira, da Escola Rocha Cavalcanti serão os anfitriões da cerimônia.

“Tivemos um dia maravilhoso, onde a recepção do público alagoano foi bastante calorosa. As cidades abraçaram o espírito olímpico que é de união e paz entre os povos ” afirmou Cláudia Petuba, secretária do Esporte, Lazer e Juventude.


Agência Alagoas

Descrição do autor

Redação

Ainda não há comentários.

Participe da conversa