Estado rescinde contrato dos empregados da Carhp

O diretor-presidente da Companhia Alagoana de Recursos Humanos e Patrimoniais (Carhp) Élcio Oliveira Tenório de Lima, assinou na segunda-feira (31) a rescisão de contrato de mais de 400 empegados da companhia. Cumprindo decisão do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), o Estado de Alagoas põe em prática a regularização dos empregados com tempo de aposentadoria, os que já estão aposentados pelo Instituto Nacional de Previdência Social (INSS) e os que não cumprem as regras estabelecidas na legislação trabalhista.

A Diretoria de Recursos Humanos da Carhp comunicou aos empregados, ainda na segunda-feira, sobre a entrada do aviso prévio por telefone. “Estamos avisando aos departamentos de Recursos Humanos para que eles possam agilizar o comunicado, seja por e-mail ou telefone. Aqui na Carhp já estamos à disposição para receber os empregados, quanto a exame demissional e homologação para que possam ser encaminhados à Caixa Econômica Federal, receber o aviso prévio”, explicou o diretor do setor de Recursos Humanos da Carhp, Mailson de Mendonça Lima.

O Estado garante que todos os requisitos trabalhistas serão assegurados aos empregados afastados. Ou seja, Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS); multa rescisória de 40%; 13º salário; férias; aviso prévio, entre outros. Haverá uma economia de R$ 1,5 milhão na folha salarial do Estado.

Assessoria

Descrição do autor

Redação

Ainda não há comentários.

Participe da conversa