Acordo salarial representa ganho histórico para corporações militares

“O Governo está atendendo a todas as propostas salariais e administrativas feitas pelas associações militares, representando um ganho nunca visto na história em Alagoas”. A declaração é do secretário da Defesa Social, Dário Cesar, ao destacar o acordo negociado entre o governador Teotonio Vilela e representantes das entidades de classe da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros.

Para o secretário, os principais ganhos são a unificação das faixas salariais, que passou de sete para duas faixas, sendo 35 anos para soldado e de 20-35 anos para cabo a coronel. Com essa medida, haverá a unificação vencimental para policiais da mesma patente e com diferentes anos de serviço.

Além disso, o Governo garante aumentos salariais de 5,5% a partir de janeiro próximo e de 22% para maio de 2015. “Com isso, o Estado atende as propostas e demandas das associações militares, que são históricas”, afirmou.

Na parte de custeio da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, haverá aumento da ordem de 57%, passando de R$ 2,533 milhões para R$ 3,982 milhões. Com o novo custeio, os gastos mensais com alimentação passam a ser de R$ 865 mil, sendo R$ 234 mil para fardamento e R$ 350 mil em reparos e manutenção das instalações físicas.

Atualmente, apenas o custeio da PM e do CBM, bancado pela Defesa Social – sem incluir o custeio normal de cada corporação –, chega a R$ 1,134 milhão. O dinheiro é destinado ao pagamento da locação de viaturas (563 mil), combustível de viaturas e do helicóptero (R$ 571 mil).

Investimentos

O Governo também garantiu investimentos da ordem de R$ 16.275 milhões em equipamentos. Serão adquiridos 1.000 pistolas, 1.300 coletes, 34 viaturas 4×4 para a PM e 6 veículos para o CBM.

Em caráter de emergência, também serão adquiridos 70 metralhadoras, 10 espingardas 12, kits xadrez para o Bope e equipamentos de proteção individual e mobiliário para as duas corporações.

Assessoria

Descrição do autor

Redação

Ainda não há comentários.

Participe da conversa